site map: Home > Blog >

Blog Universo CRM

5
abr

Como oferecer uma educação personalizada?

Publicado por Leandro C. Lopes

E se cada aluno pudesse contar com um plano de ensino feito sob medida, levando em conta sua idade, bagagem cultural, interesse e grau de motivação? A proposta de customização total da educação – o Personalized Learning – já começa a despontar no Brasil. Mas estamos em um estágio muito mais atrasado do que pensamos.

A maioria das instituições de ensino estão tentando atingir o modelo de maturidade que proporciona a educação totalmente personalizada. Mas o problema é que grande parte das escolas e faculdades acredita que já cruzou a linha de chegada quando ainda há meia maratona para percorrer.

Existem instituições que acreditam que presentear os alunos com tablets configura-se em uma experiência personalizada. Mas, na sala de aula, o tablet é usado como livro, e não de acordo com suas potencialidades. É como aconteceu com a televisão: quando ela surgiu, ninguém sabia criar para ela, então exibiam-se peças de teatro. É o uso da tecnologia com uma mentalidade anterior a ela…

Para alcançar a excelência, não adianta querer pular etapas. Há instituições que não cumprem nem o requisito básico, que é garantia de uma interação seamless, sem costuras . Isso significa a organização de todas as informações do aluno em um banco de dados único que será utilizado de forma ética por todos os pontos de contato com esse cliente, como secretaria, financeiro e biblioteca.

Primeiro a instituição de ensino precisa arrumar a casa, integrar seus sistemas e investir no processo de gestão de mudança dentro da organização.

Dentro dessa progressão de maturidade, é interessante aumentar a interação com a comunidade. A colaboração entre professores, familiares ou responsáveis e estudantes é fundamental para entender de forma mais precisa as necessidades do aluno. Assim é possível alinhar as ações educacionais com base em conteúdo adaptativo, que realmente atende à diversidade encontrada nos bancos das salas de aula.

A customização só acontece baseada em três pilares: foco no aluno, corpo docente de qualidade e instituições efetivas dispostas a investir em relacionamento e em melhorias constantes. É a mesma base do CRM: pessoas, processos e ferramentas. Não é simples, mas é necessário.

É comum ao brasileiro procrastinar, deixar o complicado para ser resolvido depois. Mas, nesse caso, não dá para esperar o fim do mês, do semestre, do ano letivo. Tem que fazer agora. É hora de cada instituição de ensino identificar o que está faltando no seu caminho para oferecer uma educação realmente personalizada. É o futuro do país que vai agradecer em breve.

  • Compartilhe:

Deixe seu comentário:

Seu e-mail nunca será compartilhado. Os campos obrigatórios estão marcados *


*
*
*